Search This Blog

Thursday, June 09, 2005

Servidores x86 somam 95% do mercado brasileiro


No primeiro trimestre deste ano, a Dell liderou o mercado de servidores x86 - com microprocessadores Intel ou AMD - no Brasil, com 29,9% de participação em número de unidades vendidas, informa a consultoria IDC (Internation Data Corporation).

Atualmente, segundo a IDC Brasil, os servidores x86 representam 95% do mercado brasileiro em termos de unidades. Os 5% restantes são representados por máquinas processadores Itanium (64 bits), Risc e Cisc, sendo este último usado em mainframes.

"Em termos de valores, as máquinas que não são x86 representam quase a metade do mercado", explica Reinaldo Roveri, analista de servidores e storage da IDC Brasil.

Em relação ao primeiro trimestre de 2004, a Dell apresentou um crescimento de 62,2% em unidades vendidas de servidores x86. No mercado geral, a empresa teve um crescimento de 61,7% ano a ano, enquanto o setor observou um aumento de 17,2% no mesmo período.

Consolidação mundial

"Observamos, mundialmente, nos últimos quatro anos, o aumento das vendas de servidores x86 em virtude da consolidação de máquinas", avalia Roveri.

Segundo a consultoria Gartner, no mundo todo, o mercado de servidores somou 12,33 bilhões de dólares no primeiro trimestre de 2005 - aumento de 4% em relação ao mesmo período do ano anterior quando o setor faturou 11,84 bilhões.

O relatório do Gartner mostra que a HP lidera o segmento de máquinas x86, globalmente, com alta de 16% no primeiro trimestre do ano, sobre o mesmo período de 2004.

A HP também concentra a venda do maior número de servidores no mundo. A companhia colocou no mercado um total de 498 mil máquinas no primeiro trimestre de 2005, seguida por Dell e IBM, com 402 mil e 183, respectivamente.

Fonte: Computerworld - Daniela Braun
Share

No comments: